Google+ Badge

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Ver-o-Peso será revitalizado


O prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, e o governador do Estado, Simão Jatene, anunciaram ontem um projeto de revitalização do Ver-o-Peso. O investimento total será de R$ 34 milhões e inclui a reurbanização da área do estacionamento, a restauração do Solar da Beira e a revitalização da Feira do Ver-o-Peso, com implantação de nova cobertura, feita com telhas termo-acústicas que vão garantir mais conforto aos feirantes e usuários, além de propiciar um novo visual para um dos cenários mais conhecidos da cidade.
Estão previstas ainda mudanças e melhorias no piso, revisão e implantação de novas instalações hidrossanitárias, entre outras ações, segundo informações divulgadas pela Prefeitura de Belém. O projeto foi anunciado como um presente à cidade, no seu 400º aniversário.
De acordo com o prefeito, desde 2013 sua administração tenta obter recursos para essas obras, principalmente por meio do PAC das Cidades Históricas. Zenaldo destacou, durante o seu discurso em frente ao principal cartão-postal da cidade, o esforço do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e de parlamentares nesse sentido, inclusive do senador Flexa Ribeiro, que chegou a apresentar uma emenda de R$ 1,5 milhão para ser direcionado às obras de revitalização do Ver-o-Peso.
Houve então a necessidade do Convênio de Cooperação Técnica entre a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras (Sedop) e a prefeitura. O governo repassará o valor de R$ 25 milhões à gestão municipal, que entrará com contrapartida de cerca de R$ 9 milhões, totalizando R$ 34 milhões para as obras.
Presente - “Este é, sem dúvidas, um extraordinário presente que Belém vai ganhar graças à parceria entre a Prefeitura de Belém e o Governo do Estado. Nesse sentido, quero agradecer ao governador Simão Jatene por esse aporte de R$ 25 milhões para as obras definitivas do Ver-o-Peso. Trata-se de um momento muito especial, de união daqueles que amam a sua cidade, o seu provo, e se juntam para construir as condições adequadas para que a nossa cidade se consolide cada vez mais como a Metrópole da Amazônia”, disse Zenaldo.
Jatene afirmou que as obras devem se iniciar “o mais rápido possível” e também ressaltou a importância do convênio. “Eu não vim fazer discurso, vim participar da festa”, declarou, antes de agradecer a todos que fazer Belém ser a cidade que é hoje.
“Esse convênio que nós estamos assinando, nós temos sim e já disponibilizamos R$ 25 milhões e com mais R$ 9 milhões, serão R$ 34 milhões para essa obra começar o mais rápido possível. Esse dinheiro estará na semana que vem na conta da prefeitura. O governador não tem dinheiro, esse é um presente do povo do Pará”, declarou, em seu discurso. (Pararijos NEWS)