Google+ Badge

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

“Rave” regada a drogas em Águas Lindas

Detidos na chácara foram ouvidos em depoimento na Pro Paz do Icuí. Inquérito vai apurar as responsabilidades penais.Detidos na chácara foram ouvidos em depoimento na Pro Paz do Icuí. Inquérito vai apurar as responsabilidades penais.
Uma operação integrada entre as polícias Civil e Militar resultou na apreensão de drogas e de adolescentes durante uma “rave” (festa de música eletrônica) organizada em uma chácara no bairro de Águas Lindas, em Ananindeua, na madrugada de ontem. A operação foi deslanchada após denúncias feitas em redes sociais da internet, que resultaram no planejamento da ação denominada “Operação Águas”.
Mais de 70 policiais civis e militares participaram da operação, que iniciou por volta de meia-noite, com ao deslocamento das equipes em direção à chácara Sambasaca, situada na rua Amazonas, do conjunto Júlia Seffer. Segundo o delegado Marco Antônio Duarte, superintendente da Polícia Civil na Região Metropolitana de Belém, havia cerca de duas mil pessoas no local, entre elas dez adolescentes que foram encaminhados ao Conselho Tutelar de Ananindeua.
O uso aberto de drogas e bebidas alcoólicas chamou a atenção dos policiais. Durante a revista, foram apreendidos 102 papelotes de substância semelhante à cocaína, 54 papelotes de maconha, três cartelas de ácido em adesivo, 15 comprimidos de ecstasy e 200 gramas de sementes com características de maconha, além de cachimbos do tipo “narguilé” usado para consumir “crack” e papelotes usados para embalar drogas. (Pararijos NEWS)