Google+ Badge

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Papãozinho perde de 3 a 2

O Paysandu Sub-20 reagiu, mas saiu derrotado na partida contra o Mogi Mirim-SP. O time bicolor fez um primeiro tempo abaixo da crítica, com o lateral direito Ramon não conseguindo dar sequência às jogadas. Depois, a equipe acelerou o jogo na etapa final e igualou nos aspectos táticos e, principalmente, na raça, mas não foi suficiente para empatar a partida em que chegou a estar perdendo por três gols de diferença. Acabou derrotado por 3 a 2, complicando as possibilidades de se classificar à fase eliminatória da Copa São Paulo de Futebol Juniores. O jogo foi realizado no estádio Leonardo Barbieri, em Águas de Lindóia, interior de São Paulo. No momento, a liderança do grupo 12 pertence ao Mogi Mirim-SP, com quatro pontos. Na vice-liderança está o Guarani-SP, com dois pontos, seguindo pelo Náutico com a mesma pontuação. O Paysandu é o lanterna, com apenas um ponto conquistado.
O primeiro gol da partida foi marcado por Ramon, aos oito minutos do primeiro tempo. A vantagem foi ampliada duas vezes por Romildo, sobrinho de Rivaldo. O Papãozinho só reagiu a partir dos 27 minutos do segundo tempo. Marquinhos, de pênalti, assinalou o gol. Dois minutos depois, Carlos Neto fez o segundo tento alviceleste. No entanto, a reação parou por aí. O treinador Vanderson Aguiar reclamou de um lance controverso em que o juiz indicou que assinalaria um pênalti a favor do Paysandu, no entanto, o penal não foi confirmado. “Os meninos estão de parabéns. No segundo tempo, foi o Paysandu que conhecemos. Na técnica, somos superiores. Igualamos na raça”, avaliou, seguindo. “Lamentamos que o juiz se enganou na hora do pênalti. O árbitro apontou para a marca do pênalti. Infelizmente, aconteceu. Agora, vamos descansar”, amenizou Vanderson.
A terceira e última rodada da fase eliminatória se encerra na quarta-feira para o grupo 12. O Paysandu vai encarar o Náutico-PE, precisando de um triunfo e ainda torcer por um resultado favorável no jogo entre Mogi e Guarani, com uma vitória do primeiro time. “Ainda tem jogo. Temos chances e vamos buscar a vitória do início ao fim. É um grupo forte, o Náutico é um concorrente direito. Os dois zagueiros são bons. Com todo respeito ao Náutico, mas vamos buscar a vitória”, concluiu Vanderson. (Pararijos NEWS)