Google+ Badge

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Gracy, agora, é da portela

n Gracy:  “Tem porta-bandeira que um dia está ali, no outro está em outra. Se você gosta de carnaval, acaba se apaixonando por todas (as escolas).”n Gracy: “Tem porta-bandeira que um dia está ali, no outro está em outra. Se você gosta de carnaval, acaba se apaixonando por todas (as escolas).”
Gracyanne Barbosa faz sua estreia na avenida pela Portela, a tradicional escola de samba da águia, dos bairros de Oswaldo Cruz e Madureira, no Rio de Janeiro. A gata também desfila as cores de sua agremiação no ensaio “Elas brincam com as cores da folia”, promoção do site “Ego”. Depois que deixou a Mangueira, Gracy ficou preocupada: “Fiquei com medo de não ser bem recebida. Sempre ouvia essa coisa de que é uma escola muito tradicional, que não gostam de pessoas que vêm de outras escolas. Mas nem nos meus melhores sonhos imaginei que fosse ser recebida assim. Principalmente pela velha-guarda. As tiazinhas me abraçaram, sambam comigo. Foi incrível.” A morena está em alta, também com o carnavalesco Paulo Barros, com quem vai reviver a parceria, já que desfilou como rainha na Unidos da Tijuca, e ele foi mais um a recebê-la de braços abertos na Portela.
Viajada de várias agremiações, Gracy não se importa com os que falam que ela pula de escola em escola: “Tem porta-bandeira que um dia está ali, no outro está em outra. Defender a sua escola é muito mais emocionante. Mas se você gosta de carnaval, acaba se apaixonando por todas.” Quando o assunto é preparação física, a morena tira de letra: “Não preciso malhar para o carnaval. Malho desde sempre.”
Saudade mesmo só a de sambar junto a uma bateria. Mas essa ela mata em São Paulo, onde reina pela X-9 Paulistana: “Para mim, a questão não é ser rainha, mas a emoção de sambar junto com a bateria”. (Pararijos NEWS)