Google+ Badge

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Flamengo olha para baixo, dá resultado e vira orgulho do Rio

Já se passaram 5 anos.
2011, Pacaembu, 25 de janeiro, e o Flamengo conquistava pela segunda vez a Copa São Paulo de Futebol Júnior. O adversário era o Bahia.
Muita coisa mudou de lá pra cá.
O time profissional na época era comandado por Luxemburgo, que viu de perto o título rubro-negro.
Daquele time pouca gente vingou.
image
O Flamengo teve Cesar; Alex, Marllon, Frauches, Anderson, Muralha, Negueba, Lorran, Adryan, João Pedro, Rafinha, China, Lucas e Thomas.
Muitos tiveram oportunidade na equipe de cima casos do goleiro Cesar, Frauches, Muralha, Negueba, Adryan, Thomas e Rafinha, aquele que a torcida e os dirigentes mais apostavam.
Ninguém aconteceu. Não no Flamengo.
É preciso enaltecer o trabalho nas categorias de base e destacar a presença do clube novamente numa semifinal de copinha.
As chances de jogar uma decisão são grandes.
.image
Mesmo que fique pelo caminho o trabalho precisa ser valorizado, mas sem deixar a cautela de lado. Frear a empolgação é obrigação dos mais experientes.
Essa geração do artilheiro Felipe Vizeu é a melhor desde 2011.  (Pararijos NEWS)