Google+ Badge

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Maia desiste de Manaus


O presidente do Paysandu, Alberto Maia, pôs fim a tentativa de transferir o jogo contra o CRB-AL para a cidade de Manaus, como foi ventilado pelo próprio dirigente há alguns dias. Via Twitter, ferramenta que utiliza com frequência para interagir com os torcedores, Alberto Maia tornou pública a decisão final dos dirigentes bicolores. “Decisão tomada! Faremos todos os jogos em Belém ao lado da nossa torcida, seja na Curuzu ou no Mangueirão. Vamos às batalhas!”, postou. Nos bastidores, comenta-se que Alberto Maia esperou uma proposta, estipulada em R$ 500 mil, para jogar no estado vizinho, embora sem revelar quem seria o patrocinador. Como era previsível, a situação não se confirmou.
Maia tem se envolvido em polêmicas desnecessárias, geralmente reprovando o que considera como baixa presença do público em jogos com mando bicolor. Na última partida, um sábado à noite, entre Paysandu e Macaé, o total de pagantes foi de 13.168, segundo o borderô oficial. Na média, registra-se aproximadamente 15 mil torcedores pagantes por partida nesta Série B.  
Outro assunto em que Alberto Maia resolveu se posicionar foi sobre vários questionamentos, colocando em xeque a entrega dos jogadores em meio ao momento decisivo da Série B. “Só depende de cada um de nós! Nossa equipe é formada por jogadores honestos e comprometidos, por isso, acredito na dedicação e na luta para alcançar o acesso. Vamos à luta”, assegurou o presidente do Paysandu. (Pararijos NEWS)