Google+ Badge

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Idoso morre em viagem de ônibus

Idoso morre em viagem de ônibus (Foto: Divulgação)
O motorista ainda chegou a conversar com o idoso (Foto: Divulgação)
O idoso Antônio Pereira Barros, de 66 anos, pegou um ônibus em Teresina (PI) a caminho de Tucuruí sem acompanhante, mas infelizmente não chegou ao destino com vida.
Ele foi vítima de Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), encontrado sem sinais vitais, na poltrona com a cabeça encostada na janela, após o ônibus parar na rodoviária Miguel Pernambuco de Marabá, no sudeste paraense.
Durante a viagem, o ônibus ficou parado na estrada por conta de uma manifestação, local em que o idoso desceu do ônibus, pegou um lanche e subiu novamente, chegando a trocar algumas palavras com o motorista Alex Maciel.
Segundo ele, Antônio se mostrou um pouco inquieto e questionou se o motorista ia tentar furar o bloqueio, que respondeu negativamente, afirmando que só iriam passar após ser liberada a estrada. Em seguida o idoso tornou a sentar em sua poltrona.
“Fizemos a parada por conta da manifestação. Eu estava acalmando o pessoal e ele falou comigo. Só foram algumas palavras que a gente conversou, tranquilizei os demais passageiros e ele ficou sentado. Quando viemos tomar conhecimento já foi aqui na rodoviária”, conta Alex Maciel.
Somente no terminal rodoviário da Folha 32, na Nova Marabá, o motorista percebeu que o idoso havia falecido, acionando a gerência rapidamente.
Uma das passageiras que é enfermeira percebeu a palidez de Antônio e chamou o motorista.
“Fui até ele pra verificar e constatei que ele estava sem sinal de pulsação e realmente foi constatado o óbito dele”.
Os passageiros do ônibus que seguiam para o destino final em Tucuruí tiveram que descer e aguardar pela liberação do transporte.
Os peritos do Instituto Renato Chaves estiveram no terminal rodoviário para realizar a remoção do corpo para necropsia e após o procedimento o veículo foi liberado para os passageiros seguirem viagem.
(DOL/Pararijos NEWS com informações de Jessika Ribeiro/RBATV)