Google+ Badge

sexta-feira, 31 de julho de 2015

Vendas para o Dia dos Pais devem crescer em agosto


Vendas para o Dia dos Pais devem crescer em agosto (Foto: Fernando Araújo)
(Foto: Fernando Araújo)
Faltando menos de duas semanas para o domingo do Dia dos Pais, a movimentação no comércio de Belém em busca de presentes ainda não engrenou de verdade. As vitrines das lojas ainda oferecem itens característicos do verão, como biquínis, sungas e maiôs. A expectativa dos comerciantes é de que a procura pelo presente dos pais comece a aumentar no início da semana que vem. 
Em uma loja de importados, a procura ainda era pequena até a manhã de ontem (28). Gerente da loja, Marcelo Adonai, 34 anos, espera que as vendas aumentem a partir da primeira semana de agosto. “Por enquanto, não estamos com nada preparado ainda. No Dia dos Pais, a gente sempre tem um aumento nas vendas, mas nada muito acima do normal”, destaca, avaliando os anos anteriores. 
Em busca de um utensílio para a casa, a auxiliar administrativa Aline Dias, 34, planeja procurar pelo presente do pai apenas no final da semana que vem, já às vésperas da data. Ela pretende comprar algo que seja realmente útil ao presentead. “Agora, meu pai merece, mais do que nunca, um bom presente. Ele acabou de sair de uma cirurgia no coração. É vida nova”, comemora Aline, bastante emocionada.

ROUPA E SAPATO
Tendo de adquirir dois presentes - um para o marido e outro para o próprio pai -, a dona de casa Jane Maciel, 41, também pretende adiar mais um pouco a compra. Ainda envolvida com as férias de julho, ela pensa em comprar os presentes assim que o próximo mês iniciar. “Para o meu pai, eu penso em comprar uma roupa, e para o meu esposo, um sapato”, contou, enquanto passeava, na manhã de ontem, em um shopping no bairro de Batista Campos. 
Supervisora de uma loja especializada em calçados, Lídia Leão, 36, acredita que a procura pelo presente dos pais irá aumentar nos próximos dias. Ela destaca que os calçados costumam ser opções nesta época. “As sandálias também vendem muito no Dia dos Pais”, afirma
Na companhia do filho Victor, 4 anos, o técnico em agropecuária Robson Nunes, 35, já anseia pela data especial. Circulando pelo shopping, onde poucas lojas apresentavam promoçoes para o Dia dos Pais nas vitrines, ele não precisou pensar muito sobre o que gostaria de ganhar. “Pode ser uma camiseta, um sapato... algo que eu esteja precisando mesmo”, considera, ao lembrar que, no Dia dos Pais deste ano, o presente mais especial já está em andamento. “Estamos esperando o nascimento do meu segundo filho. A mãe está com 5 meses. Ele já vai ser um grande presente”. 
CAMISA
Variando de preço de acordo com o modelo e o tecido, uma camisa pode ser uma boa opção de presente para o dia dos pais. Em uma loja instalada em um shopping no bairro de Batista Campos, em Belém, os preços variavam de R$ 22, para os modelos mais simples e sem estampas, até R$ 139 para as camisas mais elaboradas.
RELÓGIO
Para quem está disposto a gastar um pouco mais com o presente dos pais, há opções de relógio que variam de R$ 159 até R$ 1.200. Nas lojas especializadas da cidade, os modelos masculinos já estão em destaque nas vitrines.
SMARTPHONE
Integrando as opções de vestuário, as calças jeans também podem ser um bom presente para os pais. Os preços variam de R$ 60 a R$ 300, dependendo do tipo de lavagem do jeans, do corte da calça e, claro, da marca.
CALÇA JEANS
Integrando as opções de vestuário, as calças jeans também podem ser um bom presente para os pais. Os preços variam de R$ 60 a R$ 300, dependendo do tipo de lavagem do jeans, do corte da calça e, claro, da marca.
SAPATO
Muito procurados no período do Dia dos Pais, os sapatos também oferecem uma grande variedade de preços. Quem optar por presentear o pai com um sapato social, há opções que variam de R$ 89 até R$ 300. Sapatos esportivos custam, em média, entre R$ 79 e R$ 250.
(Diário do Pará/Pararijos NEWS)