Google+ Badge

terça-feira, 28 de julho de 2015

Comércio de baterias automotivas será fiscalizado

Comércio de baterias automotivas será fiscalizado (Foto: Reprodução)
Pontos de venda de baterias automotivas serão fiscalizados em Belém. (Foto: Reprodução)
Entre os dias 27 e 31 de julho, agentes do Instituto de Metrologia do Estado do Pará (Imetropará) percorrerão os estabelecimentos que comercializam baterias de chumbo-ácido novas, remanufaturadas, reformadas e recicladas na capital para checar se possuem o Selo de Avaliação da Conformidade e as informações obrigatórias exigidas no regulamento. 
A fiscalização é realizada em todo país, por determinação do Instituto Nacional de Metrologia Qualidade e Tecnologia (Inmetro), por meio da operação Especial Carro Andando.
Na ação também serão examinados o peso da bateria, para comparar se possui o mesmo declarado no memorial descritivo e o apresentado no rótulo do produto.
A iniciativa tem como objetivo verificar se o mercado está comercializando apenas produtos certificados.
Atualmente, segundo a Associação Brasileira de Baterias Automotivas e Industriais (Abrabat), há muitos equipamentos que não estão em conformidade com o que estabelece o Inmetro, principalmente com relação ao peso.
Os estabelecimentos onde forem encontradas irregularidades terão até 10 dias para apresentar defesa ao instituto e estarão sujeitos às penalidades previstas na lei, com multas que variam de R$ 100,00 a R$ 1,5 milhão. 
VEJA ALGUMAS DICAS NA HORA DE COMPRAR UMA BATERIA AUTOMOTIVA
1 - Verificar se o produto possui o Selo de Avaliação da Conformidade;
2 - Avaliar se o peso do produto é o mesmo descrito no rótulo. É admitida uma variação de até 5%;
3 -Comprar baterias automotivas apenas no mercado formal;
4 - Exigir a nota fiscal e o certificado de garantia.
(Pararijos NEWS, com informações da Agência Pará)